quinta-feira, 11 de julho de 2013

Poesia sempre vale a pena







Mar Português

Fernando Pessoa


Ó mar salgado, quanto do teu sal
São lágrimas de Portugal!
Por te cruzarmos, quantas mães choraram,
Quantos filhos em vão rezaram!
Quantas noivas ficaram por casar
Para que fosses nosso, ó mar!


Valeu a pena? Tudo vale a pena
Se a alma não é pequena.
Quem quer passar além do Bojador
Tem que passar além da dor.
Deus ao mar o perigo e o abismo deu,
Mas nele é que espelhou o céu.


Quadro de Almada Negreiros (1893-1970)

SOBRE O AUTOR

Fernando Antônio Nogueira Pessoa (1888 — 1935) - mais conhecido como Fernando Pessoa, foi um poeta, filósofo e escritor português. É considerado um dos maiores poetas da Língua Portuguesa. Como poeta, desdobrou-se em múltiplas personalidades conhecidas como heterônimos, objeto da maior parte dos estudos sobre sua vida e sua obra. O poema Mar Português foi publicado no livro Mensagem publicado em 1934.

17 comentários:

JAN disse...

Oi Jussara!
"Poesia sempre vale a pena", pois engrandece a alma, né?;-)

Abração
Jan


























Sheyla - DMulheres disse...

Ju, Fernando Pessoa, é tudo de bom.. adoro.

bjos, lindo poema.

Pandora disse...

O maior geminiano de todos os tempos, meu poeta preferido, um dos poemas que mais gosto... Vivo dizendo a minha irmã que um dia vou escrever esse poema na parede do quarto junto com outros tantos.

Bia Jubiart disse...

Ju, tenho até dificuldade de saber qual a poesia preferida de Fernando Pessoa... São muitas e continuam muito atuais.

Sonhe com anjos luzes!

luís rodrigues coelho Coelho disse...

Fernando Pessoa
Um poeta que nos encanta com a sua poesia.

Misturação - Ana Karla disse...

E como vale a pena Ju.
Com alma grande. :)
Essa ainda não conhecia.
Xeros

Heat disse...

Lindo poema!

Calu disse...

Oi Ju,
Sou derretida por Pessoa.Este poema, em especial,me passa um chamamento irresistível.

Um alegre fim de semana pra vc.
Bjos,
Calu

Regina Rozenbaum disse...

Ah vale!!! Se vale!!!
Beijuuss Ju

Ivan disse...

Saudades desse blog!

Quando a poesia conta um pouco de História, fica melhor ainda.

Sandra Portugal disse...

Grande Pessoa!
bj Sandra
www.projetandopessoas.com.br
@Projetapessoas
www.facebook.com/projetandopessoas

Celia na Italia disse...

"Valeu a pena? Tudo vale a pena
Se a alma não é pequena."
Amo esta parte!!!
É a mais pura verdade!
Um abraço

Luma Rosa disse...

Oi, Jussara!
Fernando Pessoa é um espetáculo! 76 anos de sua morte e ele escreve sem os rebuscados dos poetas do passado. Simples e direto!
"O mais é nada".
:)
Boa semana!!
Beijus,

Carlos Medeiros disse...

Estou lendo o Livro do desassossego, que estou achando interessante o estilo antigo/diferente dele escrever. Abraços.

Neanderthal disse...

Oi Jussara.
Eu só conhecia aquele famoso trecho "Tudo vale a pena se a alma não é pequena".
Mas então, acabo de encontrar a epígrafe da minha tese! Não dá para explicar meu tema aqui com poucas palavras, mas tem tudo a ver com esse poema!
Que lindo!
Beijos

Gisa disse...

Sempre um prazer ler pessoa.
Um bj

Daniel Brazil disse...

Este poema foi musicado pelo cineasta e compositor baiano André Luiz Oliveira, numa gravação hoje rara.
Vale a pena ouvir!
http://www.toque-musicall.com/?p=2067