sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Nobel

TRAVESSURAS DA MENINA MÁ, Mario Vargas Llosa


A menina má é má? Não sei dizer, como sempre Vargas Llosa escreve em vários níveis, pra mim ela não é má, só optou por viver enquanto o menino bom (Ricardo) meio que escolhe ficar à margem da vida. Este livro é o primeiro livro do escritor totalmente voltado por uma história de amor, que dura 40 anos. O romance não  tem grandes segredos, é contada em primeira pessoa por Ricardo, um peruano que consegue realizar o seu sonho de adolescência de morar em Paris, graças ao seu trabalho de tradutor e intérprete. Ao longo do tempo, ele sempre  reencontra Lily ,  cada vez num lugar, casada com um homem diferente e com um novo nome.  O final é surpreendente.
Eu gostei do livro, não é o meu predileto, mas sou suspeita  pois  sou macaca de auditório dele. O Daniel deixou um recado me perguntando qual o meu predileto, difícil dizer, por que eu tenho profunda admiração pelo  fazer literatura de Vargas Llosa. Ora despachos e memorandos (Pantaleão e as Visitadoras), ora histórias paralelas (Tia Julia e o Escrevinhador), ora somente uma conversa, mesmo que  com 600 páginas (Conversa na Catedral) e  por aí vai, é sempre surpreendente.
Nestes tempos de eleição é interessante ler o relato dele em  Peixe na Água,  sem entrar em qualquer questão ideológica, é  engraçado ver uma campanha de alguém totalmente idealista e ingênuo, nem parece que ele é latino-americano! É um livro auto-biográfico para quem se interessar pela história pessoal dele. Aliás vários livros dele são auto-biográfico ou têm trechos com essa tônica.
Mesmo os livros que não gostei muito como a Guerra do Fim do Mundo ainda guardam um surpreendente olhar sobre os fatos e  sua fina ironia. Neste caso, falando sobre Canudos, é irônico  que o jornalista  perca seus óculos logo no começo e enxergue tudo embaçado!
Qual meu preferido? Ouso dizer que no momento seja Tia Julia e o Escrevinhador, li lá pelos idos de 1980 e depois disso passei anos na labuta de fazer novelas, se na primeira leitura gostei de Tia Julia, hoje, sem dúvida nenhuma, tenho profunda admiração pelo Escrevinhador. Ao escolher Travessuras da menina má, só o escolhi por ser o último dele que eu li, mas certamente voltarei aqui para falar de outros livros dele.

“Boa literatura não é apenas entretenimento – é um entretenimento fantástico –mas também algo que possibilita um entendimento melhor do mundo em que vivemos.” Mario Vargas Llosa.


SOBRE O AUTOR

Mario Vargas Llosa (1936 -   ) - escritor, jornalista e ensaista peruano, laureado com o Nobel de Literatura de 2010. Travessuras da menina má  foi publicado em 2006.

12 comentários:

Cintia Branco disse...

Angélica,

Nunca li nada dele, mas fiquei sabendo que parece que rola uma disputa entre os leitores do Gabriel e os do Mario, é verdade?
Beijos

Rogério Pereira disse...

A forma terna com que fala de livros, merecia um Nobel...
(pena não haver, para quem sabe ler e escolher...)

Silvana - Interior Adentro disse...

OIêee!

Menina, a correria aqui tá grande e só agora pude aparecer aqui pra te agradecer os comentários lá no meu bloguito.

Vargas Llosa é mesmo genial, apesar de preferir o irreverente Gabo...kkkk

Esse livro Menina Má é uma graça!

Amiga, que coisa feia que fizeram com a Maria Rita Kehl!! Que nojeira esse Estadão. Ja falei para meus irmãos que não renovaremos assinatura (a gente assinava mais pelo meu pai, falecido, e acabamos renovando automaticamente|).

Vamos que vamos, que esse 2o. turno tá prometendo uma avalanche de sujeira do José Serra. Cara mais baixo nível não tem, aqui em SP fez misérias com a educação...

Afff, falo demais...rs

Obrigada pelo imenso carinho!

Beijoooo e bom feriadão! :O)

Libriana Voadora disse...

Olá! Obrigada por colocar essas informações literárias, gosto muito de saber mais sobre o assunto, mas nem sempre tenho tempo de procurar. Também sou formada em jornalismo, mas minha paixão é a literatura!! Infelizmente nunca li Vargas Llosa, mas amei a frase que tu escolheste dele sobre a literatura! "Algo que possibilita um entendimento melhor do mundo em que vivemos". Beijos! Bom final de semana!

LUFE disse...

Jussara,

Dele eu li o Pantaleão, o Tia julia e o Guerra do fim do mundo....
Comungo com a sua avaliação destas obras.
Gostei do Pantaleão pelo inusitado.

Não li ainda o Menina má...vou ler.

bjo

Marliborges disse...

Jussara,
Muito boa a resenha. Ainda não li esse livro, mas certamente o lerei. Bjssssss

Anne disse...

Agora fiquei curiosa pra conhecer livros do autor, vou ver se acho aqui na minha cidade.
Agradecendo a força deixada no meu blog, e confiante de que as coisas irão melhorar. Beijos

Silvana - Interior Adentro disse...

Oi Ju!

fiquei feliz com a declaração do Gabo! O cara é mesmo o máximo, não disse?...hehehe

Tenha um ótimo domingo!

Beijoooo

Guará Matos disse...

Oi, como vai você?
Hoje passei pra conhecer e deixar dois convites.

Conheça “duas casas” produzidas por mim:
Blog: JORNAL AFOGANDO O GANSO/
http://afogandooganso.blogspot.com/
Site: GUARÁ MATOS blábláblás e afins/
https://sites.google.com/site/blablablaseafins/

Lhe sou grato e partir dessa aproximação, criaremos mais um vínculo de amizade e interação.
Abraços,
Guará Matos.

Mulher Vã disse...

Hey! Eu li esse livro!!

Acredito que quando o autor chama a Lily de má, só quer dizer que ela é uma garota muito corajosa e o 'bom' pro Ricardo é pra dizer que ele é bobão! Hahah
É o unico livro de Llosa que li, mas vou dar uma olhada em seus palpites!!

Beijo

ps: te encontrei lá na Dama

Drixz disse...

Adoro dicas literárias! Já li alguns contos dele, mas agora tenho um motivo a mais para ler seus romances. Também vou dar uma passada por aqui de vez em quando. Gostei do blog.

Abs!

christine disse...

Ah... sabe que cheguei à mesma conclusão qdo li esse livro...hahaha Mas adorei e não consegui largar a té chegar ao final. Agora, Pantaleão e as Visitadoras é hilário, amei esse livro também, mas é difícil de comparar um com o outro ou dizer qual o melhor. Os dois são tão singulares. Fiquei curiosa sobre o terceiro que citou, vou atrás dele, mesmo na China...hauhauahuahua
Beijo